PONTE INTERNACIONAL

07/12/2018

A formalização do Acordo da Comissão Mista Binacional, onde ficou decidido que a primeira Ponte a ser construída sobre o Rio Uruguai entre Brasil e Argentina, será a de Porto Xavier-San Javier e que será financiada com recursos nacionais, repercutiu positivamente nos meios de comunicação da Argentina.

O principal e maior Jornal de Buenos Aires, “El Clarin” destacou em manchete: “Brasil financiará un puente para llegar al sur de Misiones, com fondos aportados exclusivamente por los brasilenos”, e no texto fala da importância da obra para o desenvolvimento regional de ambos países e a perspectiva que se abre com a construção do Porto de Santa Ana, na Hidrovia do Rio Paraná para as exportações de grãos e produtos frigorificados de nossa região ao Continente Asiático.

O Jornal “El Território”, o Canal 12 de Televisão, a Rádio Província de Posadas entre outros veículos comunicativos, tem exaltado o projeto e festejado a celebração desse Acordo Binacional.

O Prefeito Vilmar Kaiser e o Secretário Municipal de Desenvolvimento, Turismo e Mercosul Ovídio Kaiser, participaram das festividades da “Semana de San Javier”. O evento realizou-se na cidade de Coirmã onde foi comemorado os 389 anos de Fundação da Redução Jesuítica batizada com esse nome e aos 141 anos da Refundação da cidade, em homenagem ao Padroeiro “São Francisco Xavier”.

O ato central que ocorreu na segunda-feira (03), contou com a presença do Vice-Governador do Estado, autoridades Civis e Militares e público em geral que compareceu à praça central para assistir a programação.

Na oportunidade, o Diretor de Eventos Alexandre Figueiredo, o Patrão, Posteiros e a Invernada Artística representada pelo Departamento Juvenil do CTG “Corredor Missioneiro” estiveram presentes. A Invernada Artística do CTG Corredor Missioneiro que fez duas apresentações, as quais foram muito aplaudidas.

A Administração agradece pelo convite e pela majestosa recepção calorosa, também, ao Intendente Ênio Lemes pela belíssima organização do evento.

PARABÉNS SAN JAVIER – “La Dulce”

TELEFONE FIXO RESIDENCIAL

05/12/2018

LIGUE E PARTICIPE TELEFONE FIXO RESIDENCIAL 3198 1538

     55 3198 1538

Brasil ganha mãos: Porto Xavier é uma das 30 cidades limítrofes que abrirão empresas livres de impostos

27/04/2016

A lei, já aprovada, prevê lojas de varejo em áreas de fronteira onde existem 'cidades gêmeas', ou seja, próximas a outras nos países vizinhos. Dos 30 aprovados, oito limite com cidades de Misiones e Corrientes. Além do dólar alto, o impacto sobre os negócios na área é preocupante. Nas fronteiras argentinas, apenas o Duty Free de Puerto Iguazú funciona; Río Gallegos e La Quiaca têm autorização para isso, mas ainda precisam definir detalhes

As cidades que fazem fronteira com o Brasil estão em alerta. A maior economia da América do Sul completa os detalhes para dar rédea livre à instalação de lojas de varejo sem impostos em cidades fronteiriças.

A Lei 17.723 de "Lojas Francas" foi aprovada em 2012 pelo Congresso Brasileiro e regulamentada em março deste ano. Apenas algumas questões técnicas ainda precisam ser definidas para que 30 cidades brasileiras de fronteira, oito delas na fronteira com a Argentina, tenham esses negócios isentos de impostos.

A regra gerado preocupação no Uruguai, pela queda das vendas que geram estas lojas, localizadas nos chamados Brasil "cidades gêmeas", ou seja, localidades que fazem fronteira com outros países vizinhos, como Argentina, Uruguai, Bolívia e Peru, entre outros da vasta fronteira brasileira.

Embora na Argentina ainda não tenha havido grande agitação, algumas áreas de Corrientes e Misiones já estão assistindo a medida com medo. Embora a alta do dólar agora desencoraja a compra de produtos no exterior, lojas livres de impostos seria muito atraente, de curto, médio ou longo prazo, afetar empresas argentinas completos em áreas que fazem fronteira com o Brasil.

cidades brasileiras, onde lojas livres de impostos serão instalados na fronteira com a Argentina, estão Foz do Iguaçu, Barracão e Dionisio Cerqueira, e Porto Xavier, na fronteira com missionária Puerto Iguazu, Bernardo de Irigoyen e San Javier, respectivamente. Enquanto isso, eles também estão autorizados barrada Quaraí, São Borja, Itaqui e Uruguaiana, ao lado dos correntinas Monte Caseros, Tomé, Alvear e Passagem de Free.

"Resta a eles para definir algumas questões, tais como franquias, como pode comprar brasileiros isentas de impostos, e se as lojas serão por concurso ou adjudicação directa", disse Gabriel Caamaño, economista da consultoria Ledesma, que trabalhou o tema. "Com a suposição do novo governo no Brasil, estima-se que eles terminarão de definir esses aspectos para que eles comecem a funcionar. No Uruguai, Misiones e Corrientes estão preocupados com seu impacto potencial ", acrescentou.

Na Argentina, no momento, há apenas um varejista dever borda livre: o Duty Free Shop de Iguazu Zona Franca de Puerto, perto da ponte que liga a cidade com a vizinha Foz do Brasil do Iguaçu; Ele vem operando com sucesso desde 2002, recebendo cerca de 2 milhões de visitantes por ano.

Aplicativos


 Locutor no Ar

Jurema Da Rosa

Por Fé Vençeremos

12:00 - 13:00

Peça Sua Música

mande sua mensagem Clique em Contatos


Top 5

01.

daniel e samuel

paixão pela presença

02.

benedito felizardo

o pau vai cair as folhas

03.

caetano e sueli

as flores desabrocham

04.

chico duarte

todos

05.

volni e maria elena

todos

Anunciantes